Blog cinema design etc internet games modaebeleza musica rota pessoal
estudos category image
Postado em 14/04/2012 em Faculdade     12 comentários

Pra quem não sabe, já estou no 2º ano de Design Digital, e confesso que ás vezes me deparo com situações que nem eu mesma acredito. Não sei como funciona com as outras pessoas, eu demorei 1 ano e meio para decidir o que eu realmente queria fazer antes de prestar o vestibular, e nesse tempo, me dediquei em cursos para aprimorar ainda mais meu conhecimento (fiz técnico em informática e artes gráficas), no fim das contas, acabei prestando pra Design, mas nunca se sabe, ás vezes eu sou uma ótima paleontóloga e nem me dei conta disso!

É disso que eu sinto falta em muita gente que já faz faculdade, num geral, cursam algo sem ter conhecimento prévio nenhum, faculdade não é extensão do colegial, gente! Estamos lidando com profissionalismo, com responsabilidades, com compromissos. Pra quê prestar para Educação Física se você é sedentário? Pra quê prestar Sistemas da Informação se você só usa o computador para acessar redes sociais? Você que ainda não prestou vestibular, já parou para pensar nisso? Pois pare e pense, muito! Profissão é coisa séria, essa coisa de fazer algo por que você gosta é a maior balela, como também fazer aquilo que dá dinheiro acaba sendo. Você gosta de Dança e o que dá dinheiro é Programação, E AÍ? VAI VIRAR PROGRAMADOR PRA FICAR RICO? Programação paga bem porque realmente dá trabalho, não é pra qualquer um, falo isso porque já estudei Java e C#.

Sempre que posso dou esse toque, vá atrás de algo que te agrade, mas que você já consiga se identificar, ter facilidade, como Administração, acho que é uma área que todo mundo consegue se identificar hoje em dia, é tão imprescindível quanto informática, pelo menos pra quem ainda não trabalha, INVISTAM EM VOCÊS, aproveitem o tempo livre pra encher o currículo de cursos, palestras, workshops, pois isso conta muito! Todos os empregos que estive até hoje levaram mais em conta o meu conhecimento do que qualquer outra coisa e emprego não está nada fácil hoje em dia, tanto pra quem é formado quanto pra quem está começando. Então pensem bem aonde vocês querem pisar daqui pra frente, porque a vida lá fora dificilmente abre margem para erros.


Comente!











Comente também »






Comentários do Facebook





Comentários do blog



  • Excelente, Babee. Eu estive em dúvida até o último minuto, mas optei pela publicidade e não me arrependo. É uma área que abrange tudo que gosto: mídia, artes, internet, atendimento, vendas, design, branding, relacionamento. Acabou que tô pensando em me especializar em uma área que jamais imaginei, mas fiquei 3 anos parada após me formar, em uma crise de “o que eu vou fazer agotra? O que, dentro de tudo isso que PP oferece, me interessa de verdade?”. Agora que já defini to correndo atrás do tempo perdido! Você fez muito bem em pesquisar exatamente o que queria e ir fundo! Boa sorte ;D

    (Responder)


  • Ótimo post, Ba! Acho que todo jovem precisa desse tipo de orientação hoje em dia, não é a toa que você vê no curso um bando de filhinho de papai que só está na faculdade pro pai não chamar de vagabundo, mas que na verdade não está nem aí com o curso, acaba prejudicando a reputação da área, bem como outros colegas de classe, pois não tem coisa pior do que um colega de sala desinteressado e que vira um peso morto ¬¬

    Ui, desabafei! rs

    (Responder)


  • Acho bem triste quem escolhe um curso na faculdade pelo quesito “quem paga melhor”, imagina essa vida depois de formado… não, pior, imagina a vida acadêmica de alguém que rala estudando uma coisa que nem gosta de verdade e o único interesse é o dinheiro? Com certeza esse “profissional” vai ser o mais péssimo possível. Sou super defensora de escolher o curso que realmente gostamos. Ótimo post Babee. Beijo.

    (Responder)


  • É bem por aí. Apesar de que escolhi o meu curso meio que por chute, meio que por brincadeira e por sorte me agradou. Os próprios cursos muitas vezes são falhos na hora de se apresentarem realmente. É tudo muito amplo, tudo muito teórico. Imagine então quem acabou de sair do ensino médio. Vai mais perdido que cego em tiroteio.

    (Responder)


  • Adorei o texto! Hoje em dia as pessoas estão muito levianas na hora de escolher uma profissão, e não se dão conta que essa escolha pode ser pro resto da vida! Imagina só, conheço uma pessoa que em uma semana de faculdade de publicidade desistiu, porque não era o que ele queria. Ai fico pensando: ele nem pesquisou sobre a profissão ou a faculdade antes de prestar vestibular??! Eu escolhi moda pra fazer, decidi quando tinha uns 11 anos e depois nunca mais tive dúvida! E por enquanto tem atendido a todas as minhas expectativas!! É um assunto que eu tenho prazer em estudar, me informar e que com certeza terei prazer em trabalhar.
    Beijocas ;)

    (Responder)


  • A vida hoje em dia é tão corrida que a galera esquece de pensar antes de fazer suas escolhas. Vejo muita gente falando que vai fazer administração pq não sabe o que fazer. Mas também tem a pressão que a sociedade coloca em cima de todos. Que a vida correr e vc precisa ser rápido pra pegar seu lugar ao lado do sucesso e do $$. Tive amigos que os pais perturbaram tanto pro filho fazer uma faculdade que ele entregou em qualquer uma de depois trancou pq não se identificou. Agora você me diz, como fica a cabeça de uma pessoa nessas horas? É complicado.

    Seu post é ótimo, e acho que deveriam ter mais pessoas que pensam que nem ti, pois hoje em dia muitos estão desistindo até de pensar… =S

    Beijokas bá!

    (Responder)


  • Muito bom textos, nem me fale, estou no meu primeiro ano de Engenharia, e estou fazendo além de ser uma profissão ótima e rendavel é o que eu gosto ! Acho que faculdade você tem que pensar em várias coisas antes de começar, pois vi que não é uma brincadeira, mas também não é um bicho de 7 cabeças, é só ter responsabilidade né ? :D

    Beijos e sucesso na sua profissão !

    (Responder)


  • Pois então. Eu faço Letras e tenho colegas que DETESTAM LER. Isso mesmo, detestam. E o pior, falam isso como se fosse bonito.
    Tem que ver isso aí.
    Beijo.

    (Responder)


  • Queria dizer que fiz vestibular para BIOLOGIA quando terminei os estudos. BIOLOGIA, veja bem. Provavelmente estaria em algum laboratório ou coisa parecida desenhando insetos…

    (Responder)


  • taí, um assunto que eu SEMPRE discuti com amigos e até com meus pais! vivi uma experiência nesse assunto e posso dizer que você tem TODA a razão. estudei ADM por dois anos, e nunca fui tão infeliz! hoje sou formado em Design de Interiores, e me sinto MUITO feliz! mesmo assim, tem dia que eu não tenho vontade de sair da cama… já imaginou se eu tivesse feito algo que não gosto?

    (Responder)


  • Eu estava precisando ler algo assim: tenho trabalho pra entregar amanhã e não ia fazer… então você me lembrou que faculdade é coisa séria. Eu faço Análise e Desenv de Sistemas e apenas gosto. Não sou apaixonada por programação como sou por literatura, por exemplo. O critério que usei pra escolher foi a minha facilidade com programação e coisas de informática. O que adiantaria fazer Letras se não gosto de aprender as regras chatas de português? hehe
    Acho que a sociedade cria uma polêmica em relação a escolha da profissão, mas é algo tão simples. No fundo, todo mundo sabe o que realmente quer.

    (Responder)


  • O que bem tem de gente perdida na faculdade é imensa. Entra por causa do sálario, pra agradar os pais, etc; chegam lá querem aprender por “osmose”. Na hora da prova colam, em trabalhos exploram os outros e ainda culpam os professores por suas irrenponsabilidades. Se for pra ser ter um diploma, que seja da melhor maneira possivel para se tornar um bom profissional.

    (Responder)









  • BABEE.COM.BR © Design e desenvolvimento por Bárbara Pedrosa