Blog cinema design etc internet games modaebeleza musica rota pessoal
modaebeleza category image

Recentemente, tivemos o boom da Stop the Beauty Madness, ou apenas “pare com a loucura da beleza”, que é um projeto criado pela Robin Rice e pela Lisa Meade, que colocam em discussão um tema bastante polêmico, o exagero na busca pela perfeição estética, de querer alcançar um “padrão de beleza” imposto pela sociedade que vivemos atualmente.

Pra divulgação desse projeto, foram criados alguns anúncios com questionamentos sobre o assunto, e no próprio site tem uma página com a opção de publicar selfies sem maquiagem, servindo de incentivo para as mulheres registrem sua beleza natural. O incentivo deu certo, pois a partir daí não só publicavam, como lançaram o desafio #NoMakeUpChallenge desafiando as amigas a fazerem o mesmo, não pra sacanear, mas pra incentivá-las a se valorizar. Quando fui desafiada pela Renata, do blog Mulher Vitrola, logo fui atrás pra saber do que se tratava (é muito importante saber o propósito de uma campanha antes de participar) e postei uma foto minha sem maquiagem também na página do Facebook.

beenatural

Algumas amigas curtiram e compartilharam, outras preferiram não aderir a campanha, mas seja quais foram os motivos delas, devemos respeitar isso, pois nem todos se sentem a vontade de participar, e auto estima é um tema difícil e delicado de lidar pra viralizar sem propósito.

Vou confessar que poder publicar uma foto assim hoje em dia é uma vitória particular, até porque todos nós já fomos adolescentes e já passamos por diversas fases e situações desagradáveis. Eu fui uma dessas jovens que não gostava de si mesma, aliás, demorei anos pra me aceitar como eu sou, de enxergar que eu sou bonita sim, do meu jeito, justamente por achar que ao não me enquadrar com o padrão X ou Y, eu não era bonita, não era alta, muito menos magra e você acaba se fechando pro mundo. E quando você se fecha, acaba desenvolvendo uma postura defensiva, que dificulta sua socialização com outras pessoas.

Vai passando o tempo e a gente amadurece e desencana, aliás, sempre fui muito desencanada com essas coisas, tanto que só comecei a me maquiar e ser mais vaidosa depois dos 18 anos, que foi ao mesmo tempo quando as informações na internet se tornaram muito mais acessíveis do que antigamente, hoje é possível encontrar qualquer coisa, como “maquiagens”, “looks”, “como sobreviver ao apocalipse zumbi”, etc.

Com isso, também me tornei mais adepta da liberdade de usar o que quiser, até porque quando eu era criança, maquiagem só era usada para as minhas apresentações de dança, fora isso, nunca fui muito de me maquiar MAS aprendi a usá-las a meu favor, até porque elas também podem nos valorizar de vez em quando. Apenas reforçando que o objetivo do projeto nunca foi vilanizar a maquiagem, apenas dar um respiro <3

beenatural2 beenatural3

Eu comentei que a primeira foto era do ano passado, então segue essas duas em anexo que são bem recentes. Ainda sou a mesma abelha, mas os meus cabelos :3

Só que infelizmente, essa liberdade não é compreendida por todos, muitos ainda vão julgar você por usar um batom vermelho ou por sair de cara lavada, assim como muitos julgarão você por postar fotos sem maquiagem. Eis que eu, magicamente, saí em algumas matérias na internet (veja a matéria do Buzzfeed e Terra) que falavam da #stopthebeautymadness, ao lado de blogueiras que admiro bastante, e um caso me chamou a atenção negativamente em uma das matérias, que foi o de uma ofensa gratuita num comentário, onde simplesmente uma pessoa comentou que uma das participantes era “feia”, assim como também vi no próprio Facebook várias pessoas debochando o fato de mulheres participarem tirando foto sem maquiagem. Oi? Em que ano estamos? Não é sacrifício nenhum tirar uma foto sem maquiagem, eu não tenho nada pra esconder nem pra me envergonhar disso. Mas o curioso é como uma pessoa chega a este ponto? A Lia Camargo gravou um video desabafo e eu também gostaria de citar um comentário que li no Facebook sobre o ocorrido:

“Hoje em dia, as pessoas têm muita dificuldade em diferenciar a opinião da liberdade de expressão”

Resumindo: Na liberdade de expressão, todos podem defender seu ponto de vista, mas na opinião não, porque simplesmente ela não foi pedida, você não pode sair disparando o que você pensa a torto e direito pra qualquer pessoa, seja na rua ou na internet, até porque se a gente chegar em alguém na rua e soltar um “elogio” desses, é capaz de levar um tapa ou ouvir coisa pior, quer dizer, você até pode mas é por sua conta e risco. E convenhamos, esse tipo de atitude não agrega em absolutamente nada, tanto pra quem fala quanto pra quem ouve.

Outro ponto que me incomodou muito e não é de agora, é o fato de todas essas campanhas serem ridicularizadas no Brasil, não aconteceu no meu feed (que só tem lindos!), mas esse desafio virou palhaçada aonde as mulheres tinham que pagar prenda (oi?) se não participassem… BITCH, PLEASE! Isso não é brincadeira, não é uma campanha pra ver quem é a mais bonita sem maquiagem, pfvr, quantas pessoas já se mataram ou quantas outras tem a saúde debilitada de tentativas frustradas de alcançar essa “perfeição” simplesmente porque não se sentem bem consigo mesmo, já pararam pra pensar nisso?

Aconteceu o mesmo com aquele viral do balde de gelo, pessoas participando e gravando vídeos sem nem saber o motivo real de se tomar o banho gelado, sem nem saber que isso era veiculado para as pessoas conhecerem a esclerose lateral amiotrófica (ELA). Enfim, ambos são assuntos muitos sérios e viraram piadas, está faltando bom senso na internet, menos zuera, mais responsabilidade social, pfvr, obg.


assinatura

Abelha rainha, designer nas horas ocupadas e gamer nas horas vagas, blogueira roots, pseudo-ruiva e mestre jedi em ruivices :)



Compartilhe:

9 abelhas zumbiram aqui



musica category image

Capital Cities é uma dupla americana de indie pop, formada por Ryan Merchant e Sebu Simonian, e sua jornada começou em 2008, através de um site de anúncios gratuitos, fazendo jingles e deu tão certo que dois anos depois já se definiam como banda e logo em 2011 lançaram o seu primeiro EP.

capitalcities

Seu primeiro single lançado foi “Safe and Sound” e não fez só sucesso nas paradas como também em diversos comerciais da HBO, Microsoft, entre outros. Mas eles mostraram com o álbum “In a Tidal Wave of Mystery”, lançado no ano passado, que não eram banda de um hit só, e que aliás, teve sua capa feita por um brasileiro.

capitalcities_album

Dentre as músicas lançadas, dou destaque pra Safe and Sound, Kangaroo Court (minha preferida), One Minute More, Farah Fawcett Hair e I Sold My Bed, But Not My Stereo, que teve um clipe lançado no começo de agosto.

Eu gosto deles porque suas músicas são super animadas, bem humoradas e fáceis de cantar (e grudar na sua cabeça), eu conheci eles através do Lollapalooza este ano, mas não pude conferir o show deles ao vivo pois era muito cedo, MAS o mundo é lindo e justo, e eles estão voltando pro Brasil no fim do ano pra tocar aqui :D

Mas enquanto eles não vem, a gente pode curtir os últimos clipes lançados, que aliás, são muito criativos! Então afasta a cadeira do PC e vem curtir um pouquinho de Capital Cities!


assinatura

Abelha rainha, designer nas horas ocupadas e gamer nas horas vagas, blogueira roots, pseudo-ruiva e mestre jedi em ruivices :)



Compartilhe:

6 abelhas zumbiram aqui



internet category image

Você se lembra do seu primeiro contato com video-game? Eu me lembro, não do primeiro contato, mas quando eu tinha 3 anos já comecei a me aventurar no mundo dos games, e me lembro claramente de jogar alguns jogos no Super Nintendo dos meus irmãos, eu joguei muito Battletoads Double Dragons, até ser malandrops e descobrir um cheat que liberava todas as telas, me lembro do medo que eu tinha ao ouvir o barulho que a Capcom fazia quando começava a jogar Mega Man, eu até tampava os olhos, muito boba!

Todas essas lembranças são pra apresentar um fotógrafo que foi além, Javier Laspiur registrou sua paixão por video-games em fotografias com o ano que teve seu primeiro contato, somando ao todo 30 anos na jogatina, conheça o projeto chamado Controllers.

ControllersControllers Controllers
Controllers Controllers
Controllers Controllers Controllers Controllers Controllers Controllers

Quais desses você jogou? Bateu até uma invejinha aqui, porque só comecei a ter contato depois do Super Nintendo, os anteriores eu nem me lembro de ter jogado :( Se você gostou, veja mais fotos do projeto aqui.


assinatura

Abelha rainha, designer nas horas ocupadas e gamer nas horas vagas, blogueira roots, pseudo-ruiva e mestre jedi em ruivices :)



Compartilhe:

1 abelha zumbiu aqui



blog category image

Depois de um domingo animado por causa do Blog Day pra ler e conhecer, e do meu navegador pedir arrego várias vezes de tantas abas abertas, só tenho que agradecer as indicações e descrições super queridas que vocês fizeram sobre mim e a minha colméia, e que ela definitivamente não é nada sem vocês, abelhas e zangões pra participar, ler e polinizar todo o amor na blogsfera <3

obrigada

Pra quem chegou agora, o blog já tem 4 anos produzindo mel, e quando eu resolvi mudar novamente toda a identidade daqui, eu mudei também minha postura perante a blogosfera, com mais engajamento e conteúdo e, em contrapartida, quis um feedback mais detalhado de vocês, que frequentam o blog e me acompanham. Super agradeço a todos que me ajudaram respondendo meu censo abelhístico e me deixando mensagens fofas!

As indicações do Blog Day só demonstram que essa nova postura abelhística está funcionando e me deixou muito feliz de ver o tanto de gente que lê, até mesmo não participando ativamente, então eu resolvi juntar TODAS as indicações aqui num potinho pra guardar na colméia todo o carinho todo recebido <3

Algumas ObservaçõesAvec Mes LouboutinBorboletandoBramareBy GarotasCadê meu bloquinho?Coisas que quero lhe falarDona MarianaFrescurinhaGente que ama lerHey RaniIn the skyJoyce BragaMaioneseMonster BoxMulher VitrolaMy other bag is chanelNerdivaNýr DagurPaula AbrahãoPepper LipstickPequenina VanillaPlataforma 36Prateleira de cimaQuarto de serviçoSem formol, não alisaSernaiottoStuck on themSushi BaianoTeoria CriativaVamos de VanVida que segue


assinatura

Abelha rainha, designer nas horas ocupadas e gamer nas horas vagas, blogueira roots, pseudo-ruiva e mestre jedi em ruivices :)



Compartilhe:

16 abelhas zumbiram aqui



blog category image

Pra não quebrar a corrente de postar indicação a cada dois anos (veja aqui minhas indicações de 2012), eu voltei pra encher o feed de vocês com blogs super queridos para o Blog Day 2014, incentivado pelos Rotalindos, e ouso dizer que essa indicação vale por todos os anos que não participei, porque tá tendo indicação pra cacilds!

Stop Salgadinho! Blog Day, qiço?

Pra quem ainda não conhece, o Blog Day foi uma iniciativa organizada por um grupo de blogueiros gringos que instituíram o dia 31/08 como o Dia Internacional do Blog. Nesta data, estes blogueiros selecionavam seus blogs favoritos e compartilhavam com seus leitores em um post, fortalecendo a união entre os blogs e disseminando conteúdos interessantes.

Com a morte do site oficial e os blogueiros cada vez mais distantes da blogagem de raiz, surgiu a ideia de promovermos esta iniciativa entre os participantes do Rotaroots, divulgando blogs interessantes e também, fortalecendo a união entre os bloggers.

top5

Com exceção do Meninices, que foi um blog que eu descobri recentemente e amei o conteúdo, a Camila sempre posta looks super fofos e sempre posta fotografias lindas, nem preciso justificar a escolha do Borboletando, Mulher Vitrola, Paula Abrahão e Sernaiotto, né? São blogueiras e amigas que eu admiro muito, não só no pessoal, mas também no profissional <3

BorboletandoMeninices da VidaMulher VitrolaPaula AbrahãoSernaiotto

rota

O Rotaroots trouxe de volta uma das coisas mais maravilhosas da blogsfera, a conexão entre blogueiros, e através do grupo, pude conhecer melhor muitos deles e criar um carinho especial por alguns que eu recomendo a visita.

Avec Mes LouboutinGood news everydayNerdivaPode chamar de DudsSalateando

rotina

Super recomendo os blogs Homens da Casa e Morando Sozinha, que são dois guias essencias de sobrevivência da casa própria que sempre trazem dicas legais sobre decoração. O Kitsch Chic me ganhou de início pelo layout lindo, e depois me fez apaixonar pelo bom gosto!

Dificilmente eu acompanho algum blog de moda, mas o Entre Topetes e Vinis e My name is Glenn são escritos por duas blogueiras super estilosas, o guarda-roupa delas me representa <3

gringa

Meu plus de indicação pro Blog Day e pra fechar com chave de ouro é gringo e cheio de inspiração, sou apaixonada por estes quatro blogs, não só pelo layout, mas também porque tem posts e fotografias que são ma-ra-vi-lho-sas!

Keiko LynnLove TazaSkunkboy BlogWish Wish Wish

Espero que tenham gostado das indicações, foram indicações pra caralh* e eu amei garimpar todas pra compartilhar com vocês! Ainda tem outros blogs super queridos na minha página de blogs favoritos, aproveita o embalo e dá uma passadinha lá. Ah! Eu também super aceito indicação de outros blogs legais, então podem deixar o link aí nos comentários que vou gostar de conhecer :D


assinatura

Abelha rainha, designer nas horas ocupadas e gamer nas horas vagas, blogueira roots, pseudo-ruiva e mestre jedi em ruivices :)



Compartilhe:

36 abelhas zumbiram aqui













BABEE.COM.BR © Design e desenvolvimento por Bárbara Pedrosa